Domingo, 22 de Maio de 2011

Acho que é o Gore Vidal que nunca fala de amor com ninguém, por não saber o que a outra pessoa associa ao termo. Ele é que tem razão. De amor não se fala, não se escreve, não se grita. De amor chora-se, ri-se e morre-se. E é só isso.



# Tiago Moreira Ramalho às 21:15 | | comentar

1 :
De Carolina a 23 de Maio de 2011 às 19:07
Grande verdade :)

Gostei muito do blog. Parabéns ;)


Comentar post

autoria
Tiago Moreira Ramalho

twitter
arquivo do blogue

Fevereiro 2013

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

subscrever feeds

 FeedBurner